12 de mai de 2010


Em meus filmes e histórias, sempre termino feliz.
Frustro-me pela realidade
ou pelo medo de tornar meu sonho real.
Os títulos seriam dos mais variados
suspenses, dramas, aventuras, romances.
Sem ter a razão para mim,
meu desejo traduz o melhor desenho
do teu rosto num sorriso infinito.
Repreender-me antes de magoá-lo,
surpreendê-lo com toda a vida que
em mim despertas dentro do sonho
e da realidade que se animam
quando dividimos momentos tão simples.
Infelizmente, em mim resta apenas o sonho
Trajo-te com as vestes simples daquele a quem amo.
Sem rosto, não sussurras doces palavras aos meus ouvidos.
mas tê-lo em sonho, entre letras ou pensamentos,
trazem-me a paz que dão ao meu rosto um brilho
e um semblante imenso da saudade.

11 comentários:

Beta disse...

Lindo!!!

bj

Daniel Savio disse...

Poesia bonita, mas quem ama, estende o seu amor pelo tempo até aquecer o nosso coração...

Fique com Deus, menina M. Nilza.
Um abraço.

Socorro disse...

"Infelizmente em mim resta o sonho...!" - Este trecho do seu texto, me comoveu, porque somente me restou também o sonho, que foi para o espaço. Abraços!

orvalho do ceu disse...

Oi, Pele sem flor
Que lindeza seu post!
Segundo Rubem Alves, onde há saudade é porque houve Amor...
Passo também pra te convidar para a BLOGAGEM COLETIVA ESPIRITUAL que está pré lançada no meu post de hoje...
Amanhã dou todas as dicas e espero muito a sua participação pois vc tem muito a nos acrescentar, menina...
No entanto, sinta-se à vontade!
Um bj no seu coração

Sueli disse...

Penso que, às vezes, é o nosso medo que não permite a realização de nossos sonhos. Nosso medo quer cuidar de nós, proteger-nos. Ele consegue podar todas nossa tentativas de espontaneidade. Estou tentando aprender a enfrentar esse medo bobo. Beijos!

angela disse...

Ai o amor!
Linda poesia, guarde seu amor em seu peito e leve-o consigo por onde for.
beijos

orvalho do ceu disse...

Olá,querida
Seja muito bem-vinda à Blogagem Coletiva Espiritual!
Com vc ao meu lado, crescerei muito...
Qualquer coisa me fala, tá?
Bjs

José Sousa disse...

Coisas lindas vamos lendo e aprendendo uns com os outros. Gostei de seu blog e de suas postagens. Vou ser seu seguidor
Conheça os meus em:
www.congulolundo.blogspot.com
www.queriaserselvagem.blogspot.co

Muita saúde e um abração

Taddeu Vargas disse...

Olá Nilza, que bom voltar aqui e ler textos bonitos, bem escritos! Parabéns pela escrita e pelo blog lindo!
Beijão e um belo final de semana.

Manifesto Interno disse...

Querida Nilza,

O mais lindo no seu poema é pensarmos que podemos ser protagonistas das nossas próprias vidas, pintá-las e repintá-las de acordo com o nosso querer,
dar o rumo e influenciarmos o final,

beijos!!
Ester

Desnuda disse...

Querida amiga.

uma poesia linda! E que veste a nossa sensibilidade e sonhos com envoltórios de ternura. Obrigada, amiga linda!


Beijos, com carinho.