27 de jul de 2009

Voz ao vento


Numa delirante obsessão por ti
Vejo o frio invadir meu ser
Anseio a cada minuto
por teu corpo, tuas mãos.
Tudo que me cerca e separa de ti
Transforma-se em objetos animados
Ainda que sejam de pedras,
escutam as batidas de meu coração.
Louca não sou por falar ao vento
Mas insana sou sim por amar-te tanto.
My love alone is lesser of what the desire that I feel for you

6 comentários:

Adolfo Payés disse...

WOW maravilloso.. es un gustazo leerte

Excelente
Saludos fraternos
un abrazo

Olavo disse...

Amor forte..insano..amor.
Otima semana
beijos

Codinome Beija-Flor disse...

O amor às vezes nos faz insanos.
Bj

Zé Carlos disse...

Este amor louco que tira as pessoas do prumo!!!
Um beijo menina querida, ame e seja muito amada, afinal você é quem merece e pode ser assim!!!
Bjs do teu amigo

Olavo disse...

Neste mês de agosto o blog esta em comemoração
E te convido a partipar durante todo o mês com a gente..
E para começar tem selo comemorativo lá no blog..
Abraço.

Sueli disse...

"Insana sou por amar-te tanto" ... Acho que é isso mesmo que eu sou... Adorei! Bjs.