20 de mai de 2009

Momento a Dois – Dois Momentos não iguais


Blogagem Coletiva proposta

por "Ela" do


Face a face em momentos a dois
Dividíamos os lençóis mais uma vez
Sentindo os toques na pele
O forte calor dos corpos
Vibram amados e desejados
Sem explicação entras em erupção
Nesta arte tu superas a todos
Despe-me com teus olhos em volúpias
Aquece-me com tuas mãos
Meu corpo nu anatômico e frenético
Entre sussurros e beijos
Afagamos a saudade
Esquecidos pelos caminhos
Tortuosos do desejo insano
Às nuvens fomos visitar
Tuas fantasias se materializaram
Em minha presença.
O que explodia transformara-se em suavidade
dos caminhos nas sedas das vestes
vilmente jogadas no leito cúmplice
na magia desse momento a dois.


Foram tantos os momentos num tempo
Que jamais se definiu. Noites e dias.
Lua e sol numa briga exaustiva.
Estrelas brilhando num cintilar fosco
Era um misto de alegria e tristeza
Era a certeza de um vácuo
Onde a escuridão da incerteza
Cuidava com cautela e sutileza
Neste jogo em que o nada vencia
O amor era o mestre e o juiz
Entre as duas almas que nos cercavam
Campo onde os jogadores
eram os maiores perdedores
e o sentimento o último colocado.
Nem me conhecia,
sequer sabia quem eu era
dentro de um enredo sem cor, sem som.
Diante de fatos, atos,

encontros e desencontros:
Sobrevivi ...

15 comentários:

Ela disse...

Bom dia, Nilza!

O seu momento é ímpar! Poesia ainda será uma das formas mais simples e bonitas de se expressar. Seja encontros, seja desencontros, momentos, amores ...

Gostei Muito. Obrigada por participar
Bjos
Ela
Palavras a Dois

Adolfo Payés disse...

que bello . es leerte siempre

los momento del amor
vida en la lectura

saludos fraternos
un abrazo inmenso

besos

Olavo disse...

Lindas poesias para representar seu momento a dois..
Beijos

Zé Carlos disse...

Menina linda, se vc soubesse (e sabe) como é complicado falar de um momento só a dois !!!!
Beijão do teu amigo

Leo Mandoki, Jr. disse...

romantica vc hein!!...gostei do blog...é elegante..me responde uma coisa: o que faz uma mulher escrever um poema de amor? no fundo o que ela deseja?
um beijo

AC Rangel disse...

Teu corpo nu, anatômico. Também quero...
Beijo

Janaína Vianna disse...

Quero um copo anatômico tb... meus últimos momentos a dois, não dão poesia, sim uma história de guerra.
Bjks e saudades

Fernanda! disse...

Ta lindo teu blog...Teus poemas são relaxantes, da vontade de fazer tudo que ta ali rsrsrs

Bjos de luz!

Rosemildo Sales Furtado disse...

Já imaginaram se acaso existisse amor, desejo, ardência, demência, decência, imprudência, coerência, anuência e aderência neste colóquio? Como seriam esses versos? Com certeza, o seu final seria: Clemência! Tenha complacência! Quero mais, só um pouco de paciência, eminência!

Olha Nilza, perdoe-me pelas baboseiras. É que estava passeando, avistei teu espaço, invadi, gostei e não resisti.

Beijos,

Furtado.

Cαmilα ♥ disse...

Que que isso! Que texto lindo.
Cheio de lascivia e repleto de bom gosto!

Ler voce é muito bom...

BeijOs!

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Nilza,

Ele olha para o meu pé e ainda beija, acredita?rs.

Seu blog é tão gostoso de ficar, tantas dicas e essa música é muito boa. Lembra mar, lembra rede, lembra uma cabana, lembra amor... adorei!

Vi que linkou nosso blog, se quiser o feed é esse:

http://nectar-da-flor.blogspot.com/feeds/posts/default

Vamos linkar o seu tb, viu?

Senti que tem um astral porreta, adoro gente assim!

=]

Beijo grande, menina linda.

Rebeca

-

Ele disse...

Obrigado pela sua participação na blogagem..
tem um selo para você lá no blog.
Abraços.

Ele.

Ric disse...

Eita, que momento a 2 que vale 10! rs.

Beijo.

Avassaladora disse...

M. Nilza, momentos que valem por uma vida!

Por momentos assim, a vida valerá sempre a pena/!

Parabéns, pois seus poemoas são lindos
!

Beijos e carinhos!

Pena disse...

Admirável e Simpática Amiga:
"...Era um misto de alegria e tristeza
Era a certeza de um vácuo
Onde a escuridão da incerteza
Cuidava com cautela e sutileza
Neste jogo em que o nada vencia
O amor era o mestre e o juiz
Entre as duas almas que nos cercavam
Campo onde os jogadores
eram os maiores perdedores
e o sentimento o último colocado.
Nem me conhecia,
sequer sabia quem eu era
dentro de um enredo sem cor, sem som.
Diante de fatos, atos,

encontros e desencontros:
Sobrevivi ..."

Poetisa com sentimento um "vácuo" do seu sentir e estar perante uma grandeza versejada sublime de encanto.
É uma sensível e preciosa pessoa de bem.
Uma poetisa sensacional pela pureza e beleza dos seus versos significativos do seu sentir autêntico.
Gostei muito.
Beijinhos respeitadores pela sua doce e linda significação.
Lê-la-ei sempre pela grandeza do seu sensível e fabuloso carácter.
Cordialmente agradecido pela sua amizade...
Bem-Haja, amiguinha linda...É grandiosa e preciosa.
Maravilhado...

pena